top of page

BFB prestigia evento da buildingSMART International e reforça parcerias


Crédito: divulgação


O presidente e o conselheiro consultivo do BIM Fórum Brasil, Rodrigo Koerich e Sergio Scheer, juntamente com uma comitiva de profissionais brasileiros, estiveram em Valencia, na Espanha, prestigiando o buildingSMART International Summit, evento que debate o desenvolvimento da tecnologia BIM no mundo. Além das atualizações, o momento foi importante para firmar parcerias e delinear estratégias futuras.


Assim, em reunião entre a diretoria do BFB e os gestores da buildingSMART International (bSI), que contou com a presença de Ian Howell, diretor da bSI, Clive Billiald, CEO da organização, Aidan Mercer, diretor de marketing, e Léon van Berlo, diretor técnico, Koerich convidou formalmente representantes da bSI para participarem do BIM Fórum Conference (BFC), que ocorrerá em maio, na cidade de São Paulo.


“Ficamos felizes por terem aceitado o convite, porque é importante essa participação no evento, reforçando a colaboração das entidades em prol da disseminação do BIM. Durante o BFC, vamos organizar atividades para efetivar a conexão da buildingSMART International com empresas estratégicas, além de estabelecer parcerias com entidades governamentais e empresas públicas”, destacou Koerich, acrescentando que essas conexões visam não apenas fortalecer o evento, mas também promover a adoção do BIM em projetos de infraestrutura e construção em todo o país.


Além disso, outro aspecto importante foi a decisão de organizar reuniões com os BIM Fóruns da América Latina, buscando promover uma maior integração e colaboração entre os diversos países da região, compartilhando experiências e conhecimentos para impulsionar o avanço do BIM em toda a América Latina.


Com sua participação no buildingSMART International Summit, o BIM Fórum Brasil reafirma seu compromisso em fortalecer parcerias internacionais e liderar o avanço da tecnologia BIM no Brasil e além-fronteiras. Essa colaboração promete trazer benefícios não apenas para o setor da construção, mas também para a economia e o desenvolvimento sustentável do país.

 

 


Comments


bottom of page