top of page

BIM Fórum Brasil convoca para participação na pesquisa Cidades Inteligentes


Crédito: Banco de Imagens


Uma chamada especial para os membros do BIM Fórum Brasil: é hora de auxiliar e participar na divulgação das Pesquisas BIM e Cidades Inteligentes 2023. O objetivo é mapear o atual entendimento sobre os benefícios das tecnologias digitais nos órgãos públicos municipais das cidades brasileiras. Esta iniciativa é um passo importante para fomentar debates, desenvolver uma visão unificada e transparente sobre o desenvolvimento urbano sustentável e elaborar estratégias colaborativas com organizações de apoio à inovação. A ideia é que, juntos, seja possível tornar as tecnologias digitais uma realidade tangível, transformando as cidades em espaços mais conectados, eficientes, sustentáveis e acolhedores para todos.


Esta importante iniciativa integra o Projeto Cidades Tecnológicas, uma empreitada liderada pela Câmara Brasileira de BIM de Minas Gerais (CBIM-MG) e executada pelo GTBIM-CIDADES. Este grupo reúne, hoje, um coletivo de 140 especialistas em Transformação Digital e Gestão Pública, com representantes em todas as 27 unidades federativas do Brasil, que estão conduzindo as pesquisas e convidando a todos para contribuir com suas percepções, por meio de questionários online.


"Essa pesquisa é importantíssima para que sejam traçadas ações assertivas", frisa o presidente do BFB, Rodrigo Koerich, lembrando que o BIM Fórum Brasil realizou uma pesquisa com essa mesma abordagem, quando foram entrevistados mais de dez mil profissionais. “Com as respostas, mapeamos os gargalos encontrados, o que nos ajudou a direcionar estratégias dentro da missão da nossa entidade”, explicou ele.


À frente do projeto, Ronaldo Bartholo, vice-presidente da CBIM-MG, ressalta que as pesquisas são para todos os órgãos públicos da administração municipal e que a meta é alcançar uma boa amostragem. “A pesquisa pretende servir como um instrumento de informação e transformação, fornecendo dados relevantes para mostrar aos gestores públicos a relevância e os benefícios de políticas mais abertas e facilitadoras da inovação”, destaca ele, acrescentando que essa abordagem mais aberta pode criar um ambiente propício para o crescimento e aprimoramento das iniciativas, potencializando o desenvolvimento em diversas esferas.


A CBIM-MG e o BFB convocam a todos os profissionais do setor AEC - Arquitetura, Engenharia e Construção, atuantes nos órgãos públicos dos 5.570 municípios brasileiros, a participarem das Pesquisas respondendo os questionários, pelos links:


Pesquisas Cidades Inteligentes: https://tinyurl.com/j89frshh


O prazo para participação se encerra no dia 30 de dezembro, com a previsão de divulgação dos resultados das Pesquisas para o segundo trimestre de 2024.


Sobre o Projeto Cidades Tecnológicas

O Projeto Cidades Tecnológicas é uma iniciativa ambiciosa que visa colaborar estreitamente com o Setor Público Municipal do Brasil. Atuando como um Centro de Informação e Trabalho Colaborativo, este projeto é dedicado à Assistência Técnica, à Gestão do Conhecimento e da Aprendizagem, focando-se nas Tecnologias Digitais com ênfase especial em BIM e no desenvolvimento de Cidades Inteligentes.


O objetivo principal é fornecer assistência técnica aos Agentes Públicos das Prefeituras Brasileiras, criando uma ponte de conexão com atores de destaque nacional no campo da Construção 4.0. O projeto une experiência e inovação na busca constante por novas soluções e apoio sustentável, adotando um Modelo de Governança Técnica Colaborativa. Esta abordagem visa não apenas a implementação de tecnologias avançadas, mas também a construção de um futuro urbano mais sustentável e integrado no Brasil.


Além disso, a iniciativa conta com o apoio institucional significativo do BIM Fórum Brasil e de importantes entidades como a ABDI - Agência Brasileira de Desenvolvimento da Industrial, o SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, a FP/BIM - Frente Parlamentar do BIM e o Projeto Construa Brasil. Este apoio reforça a importância e o potencial impacto positivo do projeto no avanço da tecnologia e inovação em todo o país.







bottom of page