Enap, em parceria com o Ministério da Economia, lança curso ‘Conceituação Básica BIM’



Créditos: Banco de imagens


O Curso é um dos resultados do projeto CONSTRUA BRASIL (Termo de colaboração - Ministério da Economia e Recepeti) para aumento da produtividade e competitividade da construção civil no Brasil. No Edital 3/2019, do Ministério da Economia, foram previstas 9 metas, 5 delas são desdobramentos da Estratégia BIM BR. A meta 4 ‘Apoiar ações de estruturação do setor público para a adoção do BIM’, prevê capacitação em BIM de gestores e servidores públicos e no decorrer do projeto foram estendidos e abertos ao setor privado. Esse primeiro curso da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), aborda os conceitos fundamentais dos processos BIM e está disponível gratuitamente na Escola Virtual.Gov – EV.G. Acesse: https://www.escolavirtual.gov.br/curso/394. Servidores públicos de qualquer esfera e poder, bem como cidadãos em geral estão autorizados a realizar o curso.


Criado em 2021, o curso com carga horária de 16h, foi desenvolvido com foco na necessidade de entender a Modelagem da Informação da Construção ou Building Information Modeling (BIM), que se refere à um conjunto, em expansão, de tecnologias, processos e políticas que permitem que vários envolvidos possam, colaborativamente, criar, utilizar e atualizar modelos tridimensionais e digitais de qualquer tipo de construção, sejam edificações, instalações ou infraestrutura.


CONTEÚDO PROGRAMÁTICO


Parte 1 - Conceitos: Serão apresentadas as principais definições de BIM e o que não é BIM. Em seguida serão apresentados as principais funcionalidades e os potenciais benefícios do uso do BIM. Serão definidos o que são modelos e ‘objetos’ BIM.


Parte 2 - Fundamentos: Neste módulo será apresentada uma comparação entre os processos de construção baseados apenas em documentos CAD (Computer Aided Design - a tecnologia anterior) e os processos BIM. Serão descritos as dimensões BIM e os vários níveis de maturidade da sua implementação. Serão abordados os conceitos de nível de desenvolvimento (LOD) e de nível de informação (LID) de objetos e modelos. E serão apresentados alguns exemplos da aplicação de processos BIM p/ projetos de engenharia e arquitetura.


Parte 3 - Mandatos e referências técnicas: Aqui será apresentada a Estratégia BIM BR e os decretos que a institucionalizaram (em 2018, 2019 e 2020). Também será apresentado um panorama dos mandatos BIM no mundo e na América Latina. Será definido o que é ‘openBIM’ e interoperabilidade. Serão apresentadas as normas técnicas BIM que estão sendo desenvolvidas na ABNT e a ISO-19650.


Parte 4 - Usos e soluções BIM: Serão apresentados usos BIM p/ orçamentação e planejamento de obras; serão abordadas as informações agregadas ao ciclo de vida de uma edificação e serão mostrados alguns casos de sucesso no Brasil e no mundo. Serão apresentados os principais softwares BIM disponíveis no Brasil e aplicações de BIM na infraestrutura.


Por se tratar de um novo paradigma, ainda não inteiramente difundido no país, cuja utilização exige mudanças em toda cadeia da Construção, o curso básico cumpre papel importante na estratégia do Governo Federal.