top of page

Webinar BFB + Autodesk: colaboração é a chave nas relações contratuais

Atualizado: 18 de set. de 2023


Crédito: Divulgação


Na última quinta-feira (14), aconteceu o webinar conjunto do BIM Fórum Brasil com a Autodesk, que teve como foco um tema importante para o universo da arquitetura, engenharia e construção: as relações contratuais entre projetistas e contratantes, especialmente quando integradas às potencialidades do BIM.

O conselheiro do BFB, Rogério Suzuki, mediou o debate e iniciou os trabalhos destacando que questões contratuais se mostram recorrentes e complexas, permeadas por desafios como projetos desalinhados com escopos, diretrizes, normas, questões orientadas à modelagem BIM, além da questão de custos e prazos - o que requer um realinhamento entre as partes. "Nesse cenário, o BIM é uma ferramenta propulsora da colaboração, essencial para viabilizar empreendimentos com eficiência”, disse ele.

Pela Autodesk, a executiva de indústria Joyce Delatorre, enfatizou a importância de processos integrados para solucionar os gargalos existentes nas relações contratuais entre os projetistas e os contratantes. Para ela, o processo colaborativo permite melhor gestão e coordenação do projeto. “Neste sentido, a missão da Autodesk é apoiar o processo completo de gerenciamento do ciclo de vida dos ativos. Queremos evoluir com os parceiros. Quanto mais houver troca de experiência no mercado, mais aumentará o aprendizado. Qualquer implantação de nova ferramenta requer esse aprendizado em conjunto”, disse ela.

Na sequência, Priscila Sotto, gerente de projetos BIM da MPD Engenharia, apresentou um case de sucesso, compartilhando a experiência da empresa em colaboração com a LE Arquitetos. Ela destacou a eficácia da implementação gradual do BIM nos projetos da MPD, desde modelagem e documentação até a utilização na visualização de canteiros de obras, passando pelo pós-obra e pela interação com os clientes, através da realidade aumentada. Os resultados tangíveis dessa abordagem foram otimização nos processos de análise de projetos, redução de tempo na extração de quantidades e precisão aprimorada no cronograma físico.

A visão dos contratantes foi também um ponto fundamental, enfatizando a importância da parceria colaborativa. Por sua vez, Luiz Eduardo Oliveira, da LE Arquitetos, ilustrou como foi a implementação do BIM no escritório e ressaltou a relevância dos treinamentos e práticas que foram desenvolvidos para garantir a assimilação e o aproveitamento pleno da tecnologia BIM.

Complementando, Ligia Pires, especialista BIM da MPD, sublinhou a necessidade de definir fluxos de trabalho eficazes para promover a colaboração e garantir uma adaptação bem-sucedida ao BIM. Ela enfatizou a aprendizagem contínua, resultado das parcerias e projetos desenvolvidos em conjunto, que levaram a melhorias nos processos e procedimentos, minimizando obstáculos e impulsionando o avanço na qualidade dos modelos.

Fernanda Nardo, arquiteta BIM da LE Arquitetos, enriqueceu o debate com sua perspectiva sobre os projetos realizados, salientando as vantagens do trabalho colaborativo, como a centralização e maior precisão das informações dos modelos e a unificação dos desenhos, reduzindo erros e proporcionando maior tempo para o desenvolvimento criativo dos projetos.

Durante o webinar, ficou claro que a colaboração e a integração eficaz, aliadas à tecnologia BIM, são elementos chave para o sucesso e a inovação nos empreendimentos do setor. “O BIM requer essa colaboração efetiva para se tornar viável e nossos palestrantes deram um ótimo exemplo de como conduzir a introdução do BIM na área de projetos”, concluiu Suzuki, encerrando o webinar.


Confira a íntegra do webinar. Clique aqui.



Comments


bottom of page